11 de novembro de 2012

IGREJAS "ALEIJADAS"

Bem, neste texto que parece de estranho tulo, peço desculpas por usar um termo pesado para descrever uma deficiência, mas a ideia é chocar e chamar a atenção mesmo, tudo devido a importância do que trataremos aqui.
Quero quer você imagine uma pessoa que possui as suas duas pernas funcionando muito bem, ela andará sem problema nenhuma, atravessará os obstáculos sem grandes dificuldades. Bem, é assim que a igreja de Cristo tem que ser, porém algumas igrejas locais estão deficiêntes, estão sem uma de suas pernas, outras até sem as duas. Por isso não se desenvolvem como deveriam, não avançam como poderiam, perdem o equilíbrio, assim como uma pessoa que só possui uma das pernas, muitas entram em declínio e caiem, não no chão, mas no pecado.
Mas ai vem a pergunta. O que seria as duas pernas?
Uma é a Palavra de Deus. Há igrejas que a Palavra não é pregada, ou pouco é pregada, as vezes chega até a ser deturpada. Isso causa danos sérios aos seguidores de Cristo, pois a Palavra é o que edifica nossa vida em Cristo, é Ela junto com o Espírito Santo que nos consola, nos dar forças para proseguir. 
Sem a Palavra e sua pregação na sua essência, o povo de Deus fica vazio espiritualmente, e isso abre espaço para heresias, "teologia da prosperidade", sincretismo, pessoas que não tem apego a vida com Deus ou nem sabem o que é isso de fato. Sendo assim, menos pessoas serão salvas, menos pessoas aceitarão Jesus como seu Senhor e Salvador e a igreja não faz a sua principal missão, que é ganhar pessoas para o reino de Deus.
A outra perna é o mover do Espírito Santo, sem isso não há dons espirituais que Ele nos dar para edificação da vida daqueles que fazem parte do corpo de Cristo.
A ação do Espírito Santo é fundamental para conversão de pessoas, edificação, consolação e exortação nos caminhos de Deus, sendo assim quando um líder de maneira errônea, proibe usos de dons espirituais, mover do Espírito Santo, principalmente aqueles que vemos mais em igrejas pentecostais, este líder esta na verdade mutilando a sua igreja.
No mover sobrenatual do Espírito Santo, laços que prendem a pessoa são cortados, curas podem acontecer, curas de males da alma, enfermidades, ventres de mulheres estérias são abertos, dons espirituais são destribuídos pelo Espírito Santo, pessoas são revestidas pelo poder e autoridade de Deus, entre outras coisas. 
Quando este mover é proibido ou tolido, a igreja fica deficiente, sem experiências sobrenaturais com Deus, sem certas bençãos. E por isso a igreja acaba tendo seu desenvolvimento menos do que poderia. 
Igrejas (tanto instituição, quanto pessoas) que só tem Palavra, mas sem mover do Espírito Santo, é igreja legalista. 
Igreja (tanto instituição, quanto pessoas) que tem mover do Espírito Santo, mas não tem Palavra de Deus na essência, é uma igreja fanática. 
Por isso a igreja tem que ter suas duas pernas, para caminhar bem, sem dificuldades, sem  perder o equilíbrio, sem se desviar dos caminhos de Deus, tem que está com Palavra de Deus e mover do Espírito Santo. 

"Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém."  (2ª Pedro 3:18)

Temos que crescer na graça, isso é agir do Espírito Santo, Aquele a quem Jesus enviou para nós, mas também temos que crescer igualmente no conhecimento da Palavra de Deus, lembrando que a Bíblia representa Jesus de forma escrita.  E assim avançaremos em nossa vida espiritual e na evangelização de muitos.


Escrito por Luis Roldan. 

Um comentário:

  1. Excelente texto pastor!
    gostei muito desse blog!!
    paz

    ResponderExcluir