11 de outubro de 2014

CONHECENDO O DEUS DESCONHECIDO

Leremos em instante o texto bíblico que fala do Deus desconhecendo, mas que nunca foi tão atual, pois é um Deus reverenciado, porém sem ser conhecido realmente. Vejamos o texto e após isso falaremos mais.
"E, enquanto Paulo os esperava em Atenas, o seu espírito se comovia em si mesmo, vendo a cidade tão entregue à idolatria.
De sorte que disputava na sinagoga com os judeus e religiosos, e todos os dias na praça com os que se apresentavam.
E alguns dos filósofos epicureus e estóicos contendiam com ele; e uns diziam: Que quer dizer este paroleiro? E outros: Parece que é pregador de deuses estranhos; porque lhes anunciava a Jesus e a ressurreição.
E tomando-o, o levaram ao Areópago, dizendo: Poderemos nós saber que nova doutrina é essa de que falas?
Pois coisas estranhas nos trazes aos ouvidos; queremos pois saber o que vem a ser isto
(Pois todos os atenienses e estrangeiros residentes, de nenhuma outra coisa se ocupavam, senão de dizer e ouvir alguma novidade).
E, estando Paulo no meio do Areópago, disse: Homens atenienses, 
Vejo que em todos os aspectos vocês são muito religiosos;
Porque, passando eu e vendo os vossos santuários, achei também um altar em que estava escrito: AO DEUS DESCONHECIDO. Esse, pois, que vós honrais, não o conhecendo, é o que eu vos anuncio." (Atos 17:16 ao 23)

O apóstolo Paulo em uma de suas viagens missionárias passou pela cidade de Atenas na Grécia. Enquanto estava lá, observou toda a idolatria e adoração a falsos deuses e seu espírito se comoveu vendo toda a cidade achando que estava fazendo o certo, porém na realidade sem nenhuma comunhão e relacionamento real com o verdadeiro Deus. Sendo assim, Paulo começou a pregar e evangelizar nas sinagogas e na praça da cidade, anunciando-lhes a Jesus. Claro que isso não foi bem aceito de início, e contendiam com ele, discordando da pregação do evangelho a tal ponto de leva-lo Areópago, onde acontecia certos julgamentos. 
Nesse julgamento é cobrado de Paulo que ele viesse a explicar o que ele pregar e porque pregar tal doutrina tão diferente das crenças dos gregos. 
Paulo diz que percebeu que o povo ateniense era muito religioso e zeloso em suas crenças, porém nas andanças de Paulo pelos templo da religião Grega, ele achou um altar vazio com o nome de o Deus desconhecido. 
Então Paulo começa a explica que é exatamente este Deus que ele apresenta, que ele prega, um Deus não representado por imagens, mas superior a todos os outros, um Deus não visível, mas sempre presente, não um Deus criado, mas criador. 
"O Deus que fez o mundo e tudo o que nele há é o Senhor do céu e da terra, e não habita em santuários feitos por mãos humanas.
Ele não é servido por mãos de homens, como se necessitasse de algo, porque ele mesmo dá a todos a vida, o fôlego e as demais coisas." (Atos 17:24 e 25)
""Assim, visto que somos descendência de Deus, não devemos pensar que a Divindade é semelhante a uma escultura de ouro, prata ou pedra, feita pela arte e imaginação do homem.
No passado Deus não levou em conta essa ignorância, mas agora ordena que todos, em todo lugar, se arrependam." (Atos 17:29 e 30)

O que quero trazer a você hoje é que a história se repete na vida de alguns, são religiosos, são zelosos em suas crenças, mas não conhecem a Jesus, uns até estão classificados como cristãos, porém não tem aquele conhecimento mais profundo de Cristo, pois para conhecermos bem alguém, temos que ter relacionamento e proximidade com esta pessoa. Assim também é com Jesus, caso contrário, apenas será um conhecimento superficial como era com os atenienses. 
Aquele povo adorava a falsos deuses e imagens, direcionava suas orações a eles, porém tinha uma certa reverência a Deus, mas sem o conhecer, tanto que O chamavam de o Deus desconhecido. Hoje não é diferente, muito até dizem que acreditam em Deus, uns até se dizem cristãos, mas não teve uma experiência espiritual ainda com Deus, por isso Paulo chamava aquele povo a se arrepender, assim como Deus através desse texto, chama a muitos se arrependerem e O buscarem de todo o seu coração, buscando uma intimidade com Ele e o conhecerem verdadeiramente. 
Alguns daquela época se juntaram a Paulo, pois crerem no evangelho de Jesus, até mesmo um homem com cargo importante no areópago.
"Alguns homens juntaram-se a ele e creram. Entre eles estava Dionísio, membro do Areópago, e também uma mulher chamada Dâmaris, e outros com eles." (Atos 17:34)
Junte-se ao evangelho verdadeiro hoje mesmo, busque uma interação maior com Deus, sirva-o de todo o coração, sirva somente a Ele e veja que sua vida mudará, terá sempre Jesus pertinho de você, mesmo que não o veja como se ver uma estátua, mas o sentirá em sua vida e lhe ajudando sempre. 

Escrito pelo pastor Luis Roldan.

Nenhum comentário:

Postar um comentário